terça-feira, 27 de junho de 2006

abolerado

foto Leoni Oostvogel

Vagueio dentro do quarto
enquanto meu
coração
passeia longe de mim
e me reparto
entre
o começo e o fim
desta noite em que espero
notícias do dia
no alvorecer que teus olhos dirão
outro grito
outra emoção
que não seja este bolero
em que meu corpo se com
passa
vaguei
ando comigo dentro do quarto
en
quanto meu coração ultra
passa
fronteiras de luzes e portas
para chegar bempertopertode ti.


(do livro “Poesia provisória")

4 comentários:

Nanna disse...

Bempertoassim, dois corações...

Lindo!
Beijos...
:))

Claudio Eugenio Luz disse...

"ando comigo dentro do quarto" - passagem crucial, eu diria.

p.s: e o projeto, ainda está de pé?

hábraços

Nirton Venancio disse...

o projeto que você fala é o roteiro de um conto seu?

Leandro Jardim disse...

Cheguei
Bempertodo
Comuptador
e
ComputAdorei!

abs
do Jardim