quinta-feira, 5 de agosto de 2010

resgate

foto Larry Sherman

Sempre ao escrever um poema resgato-me de algum lugar.
(do livro "Poesia provisória")

14 comentários:

Mirze Souza disse...

Muito bom, Nirton!

Resgatar-se e alçar sempre um ponto mais alto no voo.

Abraços

Mirze

Adeilton Lima disse...

Golaço!

Lara Amaral disse...

Deve ser mesmo essa a intenção...

=)

Beijo.

Lara Amaral disse...

Acabei de ver seu comentário sobre minha entrevista no blog do Marcelo. Que querido, vc, me fez sorrir com sua sinestesia, rs. Obrigada mesmo, beijo!

Renata de Aragão Lopes disse...

Ou me transporto a outro...

Lindo poema!

Beijo,
Doce de Lira

Nirton Venancio disse...

Transporta-se também a outro, Renata... e a outro, e a outro... a viagem é infinita.

Nirton Venancio disse...

Lara, a intenção e o gesto.

Nirton Venancio disse...

Mirze, um ponto mais alto, mas nunca o definitivo.

Angélica Lins disse...

Sinto-me da mesma maneira Nilton.
Bela frase!

Abraço

Angélica Lins disse...

Sinto-me da mesma maneira Nilton.
Bela frase!

Abraço

Nirton Venancio disse...

Grato, Angélica.

Leitores e Cinéfilos disse...

Aqui encontrei a sensibilidade. Até a próxima!

Nirton Venancio disse...

Leitores e Cinéfilos, grato!

Magnólia Fiúza Menezes disse...

Olá! Estou visitando seu blog pela primeira vez, estou gostando!!
Beijos

Magnolia Menezes