sábado, 18 de fevereiro de 2006

cofre

foto Steve Casimiro

Quando quiseres
venhas
e gires com as pontas dos dedos
o meu coração.

Encontrarás
teus segredos nos meus olhos abertos.

Guardo no peito
o íntimo
de quem se achega.

(do livro “Poesia provisória”)

4 comentários:

Dioneide Costa disse...

Essa fotografia é divina..a mais linda que já ví por aqui!!!
O poema é perfeito.."Guardo no peito
o íntimo
de quem se achega.."

Aí complete com aquele outro..
"Das raízes dos dedos dos pés
trago flores nas mãos
e segredo e cuidado.."

Sobre aquele assunto ..."A maior vingança é ser feliz"..

Abraços

Claudio Eugenio Luz disse...

Suas construções poéticas são refinadas e conseguem traduzir sentimentos profundos, meu caro amigo. Belissimo!
.
hábraços
.
claudio

Edilia Maia disse...

Uauuuuuu..gostei desse teu poema!
Invadi tua página

Emerson disse...

Belíssimo, caro Nirton.

Vim também deixar um sincero obrigado pelas palavras gentis no Anomia.

Abraços anômicos