sábado, 3 de setembro de 2005

vice-versa


foto Tim Flach

Sou
comprido
e sem solução:
tenho
os dois pólos
caminho teimoso
do norte ao sul
dos pés à cabeça
passando pelo mistério do coração
sou astronauta
e uso gibão
cavalgo curioso
da via-láctea ao sertão
e vice-versos
na minha
solidão.


(do livro "Poesia provisória")

Um comentário:

Dioneide disse...

Gostei do "passando pelo mistério do coração"..todos nós temos nossos mistérios e parte dele guardamos no santuário de nossos corações, nem tudo pode ser compreendido.. deve ser compreendido..precisa ser compreendido..por isso é melhor ir cavalgando curiosamente.
Dioneide
http://www.raizeseasas.blogspot.com